Ir para o conteúdo principal

Japan Airlines Co., Ltd.

Construindo uma infraestrutura de nuvem híbrida para dar suporte e tornar a visão da JAL uma realidade

Com sede em Shinagawa, Tóquio, e parte do JAL Group, a Japan Airlines é uma transportadora aérea nacional e internacional de passageiros e cargas com cinco subsidiárias consolidadas e uma empresa afiliada. Desde que apresentou o tema "Desafio, levando ao crescimento" em seu plano de gestão 2017–2020, o JAL Group desenvolveu uma solução para tornar essa visão uma realidade. A JAL INFOTEC foi fundada pela Japan Airlines em 1978. Como integradora de tecnologia da informação e comunicação (TIC) e principal empresa do JAL Group, a JAL INFOTEC oferece soluções de segurança, proteção e conforto em serviços de transporte aéreo.

Desafio de negócio

Japan Airlines Co., Ltd. e JAL Information Technology Co., Ltd. A JAL procurou se tornar a companhia aérea preferida e mais valorizada do mundo, mas sistemas de TI antigos e desatualizados impediram a empresa de responder à transição digital.

Transformação

O JAL Group, empresa controladora da Japan Airlines, tem uma visão: ser a companhia aérea mais preferida e valorizada. No entanto, uma infraestrutura de TI desatualizada atrapalhou a transformação digital. Para obter um ambiente de TI flexível que evolui à medida que os negócios mudam, a Japan Airlines e sua principal subsidiária de TI, a JAL INFOTEC, contrataram a Kyndryl para construir uma infraestrutura de nuvem híbrida em IBM Cloud®.

Resultados

Um ambiente de nuvem híbrida em evolução, com lançamento de novos serviços a cada seis meses

Possibilidade de alternar entre dois ambientes sem pausar máquinas virtuais

Opções de infraestrutura dependendo da qualidade, custo ou entrega

Uma infraestrutura de TI inflexível

A visão do JAL Group é ser a companhia aérea preferida e mais valorizada do mundo. Para concretizar essa visão, a empresa é guiada por três princípios fundamentais: transformar a JAL em uma companhia aérea verdadeiramente global; criar um novo valor, um passo à frente das concorrentes, e alcançar um crescimento sustentável.

A Japan Airlines e a JAL INFOTEC, a principal integradora de tecnologia de informação e comunicação da empresa, são responsáveis por promover a estratégia de TI do JAL Group e apoiar a Visão JAL.

Masashi Oshima, Gerente do programa de infraestrutura de nuvem híbrida da Japan Airlines, explica: "A JAL opera atualmente cerca de 1.000 voos em 182 rotas diariamente, com 40 milhões de clientes decolando a cada ano. Por meio da TI, oferecemos suporte para voos seguros e pontuais. Com tecnologias avançadas, desenvolvemos soluções de TI que podem responder prontamente às mudanças no ambiente de negócios e gerar valor."

No entanto, quando a Japan Airlines começou a planejar a Visão JAL em 2016, a TI não conseguiu atender ao pedido de uma transição digital feito pela empresa.

"A função de TI mudou com o avanço da tecnologia digital", explica Hideaki Yaze, Arquiteto de infraestrutura de nuvem híbrida da JAL INFOTEC. "Mas não conseguimos acompanhar a mudança por causa da arquitetura de sistemas antiga e ultrapassada de nossa infraestrutura."

A Japan Airlines e a JAL INFOTEC tiveram muitas discussões sobre quais aplicações contribuiriam mais para os negócios e que tipo de infraestrutura forneceria serviços de TI confiáveis e oportunos. Por fim, elas decidiram mudar para um ambiente híbrido e multicloud. Para isso, a empresa começou a construir uma infraestrutura de nuvem híbrida chamada CIEL, que significa "céu" em francês.

"É um grande progresso oferecer uma escolha de infraestrutura. Isso permite que os nossos desenvolvedores façam escolhas dependendo da qualidade, custo ou resultado que precisam."

- Masashi Oshima, Gerente de programa de infraestrutura de nuvem híbrida, Japan Airlines Co., Ltd.

Nuvens com arquitetura de virtualização

A nuvem CIEL da Japan Airlines consiste em quatro infraestruturas:

  • CIEL/J, uma infraestrutura de nuvem privada baseada na plataforma VMware vSphere, construída no data center existente
  • CIEL/D, uma infraestrutura de nuvem pública fornecida por uma infraestrutura dedicada como serviço (IaaS) e integrada à infraestrutura de nuvem privada
  • CIEL/S, uma infraestrutura de nuvem pública fornecida por uma IaaS compartilhada e plataforma como serviço (PaaS)
  • CIEL/manager, uma infraestrutura de gerenciamento de nuvem híbrida para gerenciar integralmente as operações das nuvens da CIEL/J, CIEL/D e CIEL/S

A nuvem CIEL fornece todas as infraestruturas necessárias para suportar os vários serviços e aplicativos que o JAL Group implanta para tornar a Visão JAL uma realidade. Para construir as infraestruturas CIEL/J, CIEL/D e CIEL/manager, a Japan Airlines e a JAL INFOTEC escolheram a Kyndryl como parceira do projeto.

"Reunimos os requisitos e pedimos a alguns fornecedores para apresentarem suas propostas, e a Kyndryl propôs a solução mais avançada na época", diz Yaze.

Desde o início, a Japan Airlines e a JAL INFOTEC planejaram implementar a mesma arquitetura de virtualização tanto no local quanto na nuvem pública. Essa estratégia permitiria que a empresa alternasse de forma contínua entre os dois ambientes sem interromper as máquinas virtuais.

Ela também oferece mais flexibilidade e controle sobre o equilíbrio entre qualidade, custo e velocidade.

Sob o acordo, a Kyndryl implementou um ambiente de data center definido por software (SDDC) no IBM Cloud, interconectado com a nuvem local, estendendo a rede Layer 2 (L2) usando o ambiente da Cross-vCenter NSX. A arquitetura SDDC é baseada no hipervisor VMware vSphere e consiste em VMware vSAN para armazenamento definido por software (SDS) e VMware NSX Data Center (VMware NSX) para tecnologias de rede definidas por software (SDN).

No entanto, era necessário mais para atender aos requisitos para que a CIEL se tornasse a nova infraestrutura corporativa. "Solicitamos que a [Kyndryl] demonstrasse cada função por meio de testes — não através da teoria — para garantir que o novo ambiente fornecesse a confiabilidade do sistema com a qualidade que precisávamos", diz Takahiro Oguma, Vice-presidente de serviço e estratégia de nuvem híbrida da JAL INFOTEC. "Colocamos um fardo pesado nos engenheiros da [Kyndryl] porque não comprometemos a qualidade, mesmo durante um cronograma apertado. Mas eles cumpriram sua missão com sucesso."

Para a infraestrutura da CIEL/J, a Kyndryl implementou a virtualização de rede para acelerar a velocidade da rede, construindo o ambiente usando duas SDNs: a tecnologia Cisco Application Centric Infrastructure (ACI) e a plataforma VMware NSX. A implementação das duas SDNs e o desempenho de suas respectivas funções exigiu um alto nível de habilidade para ambas as soluções.

"A Kyndryl designou engenheiros que tinham conhecimento e experiência tanto em VMware NSX quanto na ACI da Cisco", acrescenta Oguma. "Eles desenvolveram a rede virtual com sucesso, exatamente como tínhamos imaginado para a CIEL, além de tornar possível manter a consistência desafiadora entre as duas SDNs, o que nos permitiu acelerar a automação da rede com confiança."

A nuvem CIEL/manager melhora os fluxos de trabalho e automatiza tarefas e processos de rotina usando as aplicações IT Service Management e IT Operation Management da plataforma ServiceNow.

A Kyndryl contribuiu muito para a implementação da infraestrutura. "A Kyndryl entendeu nosso objetivo e nos apoiou, propondo e implementando a melhor solução para a JAL. A Kyndryl é nossa parceira de confiança, com quem podemos contar sempre", diz Yaze.

Ao pensar no período de implementação da infraestrutura, Oshima agradece o apoio da Kyndryl. "Precisávamos combinar uma ampla gama de novas tecnologias para a implementação, mas superamos essas dificuldades criando uma equipe transversal, que envolveu diferentes organizações e cargos. Como uma integradora de sistemas, a Kyndryl cooperou de perto conosco em um projeto complexo com vários fornecedores, abordou questões multidisciplinares de maneira flexível e concluiu o projeto com responsabilidade. Esperamos o suporte contínuo da Kyndryl para a fase de operação."

Uma nuvem que evolui com as necessidades do negócio

A nuvem CIEL entrou em operação em dezembro de 2018. Desde então, a Japan Airlines atualiza o serviço duas vezes por ano. Anteriormente, liberar um novo serviço e implementar todos os seus requisitos levava muito tempo. Hoje, a nuvem CIEL reflete as mudanças nas necessidades de negócios da empresa em ciclos semestrais.

Masahiko Obata, Gerente de projetos de infraestrutura de nuvem híbrida da JAL INFOTEC, afirma: "Adotar o conceito de uma infraestrutura de nuvem híbrida que evolui a cada semestre é a principal conquista na realização da transformação digital de todo o JAL Group."

O nível de automação de operações na nuvem CIEL/manager também melhorou constantemente. Obata descreve seus efeitos positivos: "Os engenheiros reduziram amplamente o tempo gasto em reuniões com usuários e operações típicas e se concentraram em seu trabalho principal, como design e desenvolvimento".

Oguma concorda. "Embora o problema da escassez de recursos de TI esteja ficando mais sério em todo o setor, estamos à frente na promoção de uma infraestrutura de autoatendimento e automatizada. A base está pronta para transferir os engenheiros de TI para processos upstream, como planejamento e previsão."

Oshima conclui: "É muito cedo para julgar o efeito quantitativo da CIEL. Mas ela mostra um grande progresso para fornecer uma escolha de infraestrutura aos usuários. Ela permite novos serviços e aplicações para que os desenvolvedores escolham a infraestrutura de acordo com a qualidade, custo ou entrega de que precisam."

No futuro, o JAL Group planeja estabelecer um Centro de Excelência em Nuvem para acelerar o uso de multicloud em todos os campos, incluindo negócios, recursos humanos, governança, segurança e infraestrutura de sistemas. Com isso, a CIEL apoiará de perto o desenvolvimento de serviços e aplicações no lado comercial para apoiar a concretização da Visão JAL.